domingo, 4 de maio de 2014

High School of the Dead

 Fawkes

Tudo começa em um dia normal de aula. Komuro Takashi está observando a paisagem do pátio da escola da escada de emergência enquanto conversa sobre Miyamoto Rei, sua amiga e paixão platônica, com Takagi Saya. Os detalhes das relações são complicados, mas basicamente todas as meninas tem uma queda por Komuro, exceto Rei, que está com seu melhor amigo, Hisashi.

Takagi volta pra escola, e nisso, do lado de fora, surge uma pessoa, cambaleante e batendo no portão da frente. Os zeladores vão até lá cuidar do homem, e é quando a coisa vira o caos. Um a um, as pessoas são mordidas, sendo convertidas em zumbis. O desespero se espalha pela escola. Komuro pega Rei e Hisashi e foge com os dois para o telhado do prédio. Takagi se junta ao nerd otaku Hirano Kouta e juntos vão combatendo pelos corredores. Na enfermaria, a doutora Marikawa Shizuka é salva por Busujima Saeko, aluna exemplar e mestre de combate kendo, sendo de todos a que melhor usa armas brancas.

Os combates vão acontecendo nestas três frentes e Komura, Rei e Hisashi se veem presos no telhado. Hisashi salva Rei, mas é infectado. Quando vira zumbi, Komuro o mata, para desespero de Rei que presencia a cena toda. Enquanto isso, Takagi e Kouta estão aprendendo com os zumbis, percebendo suas fraquezas, como, por exemplo, a total ausência de visão, baseando os sentidos totalmente na audição. E também que eles só podem ser mortos com golpes, tiros ou o que seja na cabeça.

Logo, os seis se reúnem e fogem juntos para a cidade em um ônibus escolar, encontrando o que há de bom e mal pelo caminho. Seja um professor que tenta criar uma seita entre os alunos que ele salvou na escola, seja humanos comuns que tentam fazer de tudo para salvar outros, mas se veem obrigados a tomar decisões que preferem não ter de vivenciar, se matando logo em seguida.

highschool dead capa Highschool of the Dead: Zumbis, Gostosas e Dilemas Morais

A série é totalmente ecchi, ou seja, com muita sensualidade, mas sem o uso de nada explícito. Contudo, em alguns momentos, as protagonistas aparecem totalmente nuas, deixando bundas e seios à mostra, mas estratégicamente cobertos por outras partes, pessoas ou objetos.

A temática em diversos momentos se torna pesada, especialmente quando Saeko exita em matar duas crianças zumbis e quase é morta, sendo salva por Komura. Se desculpando, ela explica que estava tendo prazer em matar todos aqueles zumbis, inclusive no aspecto sexual, com o desenho dizendo que ela havia se molhado por fazer certos atos violentos desde quando quase havia sido estuprada.

Claro que há bastante humor e o clima nem sempre é sombrio, mas isso é claramente usado para amenizar um pouco o tom dos episódios. Há ainda muita sensualidade, focando sempre que possível em bundas e seios cobertos (parcialmente) ou descobertos, mas escondidos, chegando ao ponto de colocar as quatro mulheres do grupo em um banheiro, e Rei, totalmente embriagada, ficar apertando os seios de cada uma delas, especialmente da Dra. Shizuka, gritando o quanto eles são grandes.

Na verdade, mesmo sendo um anime sobre zumbis com mulheres extremamente gostosas em situações eróticas, a análise do comportamento humano em situações extremas é muito bem trabalhado. O que fazer durante o caos deflagrado por uma situação totalmente anárquica? Como iremos olhar para os sobreviventes? Amigos ou inimigos? É cada um por si e dane-se a sociedade? Muitas destas perguntas são levantadas e analisadas pelos episódios, mostrando que Highschool of the Dead é muito mais do que aparenta.

 

Fonte: http://highschoolofthedeadbr.webnode.com/

 

Postado por Antônio Lopes

Nenhum comentário:

Postar um comentário